Biblioteca ''Regina Helena Gregório Menita''

Histórico

A Biblioteca da Faculdade de Medicina de Marília - FAMEMA, iniciou suas atividades com o curso de Medicina em 1967. O seu desenvolvimento foi impulsionado à partir de 1992, através do "Projeto UNI-Marilia", quando foram aplicados recursos financeiros provenientes da Fundação W. K. Kellogg para o desenvolvimento da coleção, informatização do acervo em 1994 e construção do novo prédio, que foi inaugurado em 13 de março de 1996.

Em 1997/98 a FAMEMA adotou metodologias ativas de aprendizagem, Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) para o curso de medicina e a Problematização para o curso de enfermagem, que estimulam a auto aprendizagem, levando os estudantes a buscarem informações. Sendo assim, houve desde então por parte dos estudantes uma maior utilização dos produtos e serviços da biblioteca.

Para a implantação da rede de informática, houve também apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP. 

Vinculada administrativamente à Diretoria de Graduação da Famema, estabelecendo a interface entre a informação e a clientela interna e externa, através da prestação de serviços de informação, a biblioteca é indiscutivelmente um dos principais recursos educacionais nas metodologias ativas de aprendizagem.

Em 2009 a Biblioteca da Faculdade de Medicina de Marilia, em homenagem à Bibliotecária Regina, recebe o nome de Biblioteca “Regina Helena Gregório Menita”.